Bolsonaro flagrado em pesca ilegal
Conversa DuraPolítica

Carteirada do desembargador é puro bolsonarismo

Quem não vê nada demais no que o presidente Bolsonaro fala e faz certamente vai odiar o que segue: o comportamento do desembargador da carteirada Siqueirinha é uma autêntica demonstração do bolsonarismo.

Alguém vai retrucar: nem todo apoiador do Bolsonaro agiria como o desembargador mais famoso do Brasil. É provável. Mas, seguramente, todo negacionista, anti-isolacionista, cloroquinista e outros istas seguramente é bolsonarista.

Não custa lembrar que o próprio Bolsonaro, em janeiro de 2012, quando foi flagrado por um fiscal do Ibama pescando ilegalmente, tentou dar uma carteirada. Como não surtiu resultado, sacou o telefone e ligou para o então ministro da Pesca, Luiz Sérgio — o Del Bel da ocasião.

Mas não vamos superfaturar a capacidade de Bolsonaro em encantar boaiadas. Ele é apenas o pus, o sintoma de uma infecção, não sua causa. O apogeu do bolsonarismo representa a saída do esgoto de sentimentos nefastos desde sempre presentes na vida brasileira, mas que estavam ocultos sob a tampa do bueiro. O “você-sabe-com-quem-está-falando?” é apenas mais uma dessas canalhices.

Se é possível extrair um ensinamento positivo do episódio é expor a existência destas almas sebosas. E elas serão cada vez mais expostas, nas redes sociais, nas rodas de conversa, nos almoços familiares. Até que finalmente retornem ao esgoto, de onde nunca deveriam ter saído.

Como você se sentiu?

Animado
0
Feliz
0
Amei
0
Não sei
0
Bobo
0

Você pode gostar também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *